quinta-feira, 2 de fevereiro de 2006

Colômbia

Está comprado! Desde o dia em que a Catalina nos contou que ia casar, ficou decidido que íamos. Mas foi um processo demorado até termos os bilhetes na mão.
Como queríamos juntar um segundo destino à viagem, considerámos sucessivos planos. Primeiro surgiu a hipótese do Brasil, onde o Leopoldo também se vai casar na mesma altura, mas infelizmente tivemos de desistir da ideia, por ser caro demais. Depois não consegui convencer o Eduardo a ir ao Panamá, numa viagem que ficava quase ao mesmo preço de ir só à Colômbia. Eu estava entusiasmado com os relatos do Artur, que ficou fascinado pelo Panamá, e esta era uma oportunidade rara para lá ir, mas acabou por falar mais alto a vontade do Eduardo de ir conhecer Nova Iorque.
E claro que a ideia também me agrada! Estive lá em 2002, a caminho das Jornadas Mundiais da Juventude, e deu para passear pela cidade durante 5 dias, mas em condições especiais: visitar uma cidade daquele tamanho com um grupo de 30 pessoas não é o ideal, e como estávamos alojados numa comunidade portuguesa em Newark não dava para aproveitar o dia todo, pelo que ainda me falta ver muita coisa. Desta vez vamos ficar 6 dias em casa da Ana, que no fim de Março se muda de Londres para o centro de Manhattan, e vamos aproveitar para nos encontrarmos com o John, o Andrew e a Rachel, que conhecemos este ano.
Mas o prato forte vai mesmo ser a Colômbia! Chegamos a Bogotá no dia 29 de Junho, o mesmo dia em que o Roberto chega da Guatemala. Por esses dias faremos certamente uma "festa de queijo e vinho", versão despedida de solteira. Vamos ainda visitar Medellin, onde vive a Natalia e o Juan, e Cartagena, uma cidade junto ao mar das Caraíbas que chegou a ser o mais importante porto comercial da América do Sul durante o domínio espanhol.
O ponto alto vai mesmo ser o casamento, no dia 8 de Julho. Felizmente o padre nunca pergunta "alguém se opõe a este casamento?" - isso é só mesmo nos filmes! -, senão ia haver 4 jovens fortemente tentados a dizerem qualquer coisa... :) E se as festas colombianas aqui já eram qualquer coisa, nem imagino como será a festa de um casamento!
No dia seguinte temos a final do Mundial, esperemos que Portugal possa lá estar. Eu apostei com eles que chegávamos pelo menos às meias-finais, por isso vamos ver se Scolari e os nossos rapazes me rendem umas bebidas à pala!
Assim vão ser as próximas férias, agora é só esperar pelo dia. E com os bilhetes na mão, posso finalmente ficar mais descansado.

3 comentários:

p.canha disse...

Ele há gente com sorte!
ele hágente que o merece!!!
abraços

Mafi disse...

Hum... a Cata ainda lê este blog? :P

amigona disse...

Gostei de ler... não são só os teus planos mas, também, o que aprendemos contigo Tiago.

Continua a ser muito gratificante vir aqui a este "cantinho"...

Vai ser muito bom para ti...