segunda-feira, 17 de abril de 2006

Páscoa em Portugal

E que bem que me soube passar este fim-de-semana em casa! Eu acho que tenho mais "sôdade" quando vou a casa do que enquanto aqui estou - até porque nunca passa muito tempo sem que eu vá a Portugal!
Mas esta visita soube-me especialmente bem. Acho que consegui aproveitar ao máximo o tempo, mas ainda assim "nas calmas"; não tive a sensação de outras vezes, de andar a correr de um lado para o outro.
Como é habitual, saí do aeroporto para a casa da minha irmã, onde me esperavam as minhas sobrinhas cada vez mais crescidas e este boneco que já começa a fazer algumas gracinhas. Seguiu-se uma passagem pela Moita, para cumprimentar o mano. A tarde foi passada na igreja, ou não fosse um fim-de-semana cheio de celebrações, e a noite estive com o Rui, o Ricardo e a Mafalda.
Sábado foi o perfeito exemplo daqueles dias de que eu aqui sinto falta: saí de casa às 8.30 da manhã e só regressei às 6 da manhã de domingo, com o coração cheio dos lugares e da companhia.
De manhã andei a mostrar as belezas de Lisboa a um casal de ingleses. A Kate trabalha comigo, e foi passar este fim-de-semana a Lisboa com o marido, o Craig. Voltaram encantados, apesar de o sol não ter sido tão abundante como se desejava. Levei-os a Belém, para lhes mostrar esse grande monumento que é a Casa dos Pastéis de Belém. Também fomos a uma igreja grande que havia por ali, e a uma torre mesmo ao pé do rio, mas o que eles gostaram mesmo foi dos bolos! E depois levei-os à ilustre cidade da Costa da Caparica para verem a praia. Acho que ganhei dois simpáticos amigos...
Estive nesse dia a almoçar em casa do Vasco. Por sorte, foi a altura em que o sol mais brilhou, porque assim pudemos aproveitar o terraço fantástico que ele tem para pôr a conversa em dia.
A noite aproximava-se e era tempo de me ir encontrar com os amigos do MSV. Muitos tinham peregrinado até um santuário ao pé de Óbidos, e convidaram os restantes a juntarem-se ao grupo para a vigília pascal. Começámos por um jantar com o Artur, o João, a Mafalda e a Catarina. Depois da missa, resolvemos prolongar o convívio por mais um bocado e fomos comer qualquer coisa à Ericeira. Entrámos num café às 3 da manhã! E para cumprir a tradição, acabei a noite a fazer o update das novidades com a Mafalda.

Para acabar bem a visita a casa, domingo foi ir à missa na Moita, receber a visita da Ana Sofia e do Diogo, e de reunir toda a família para jantar.
Em Maio estou de volta!

3 comentários:

migalha disse...

E que belas fotos! Olha tens de arranjar um fato macaco!

Mafi disse...

E que bom foi ter-te cá!!!! Um non-stop de bons momentos!
hasta breve!

Maffa disse...

Maio Já!?!!
A minha mae nao pode ler o teu blog... depois vem-me dizer que tu estás sempre a ir a Portugal e eu népias.